MachuPicchu por muitos anos por parte de pesquisadores, profissionais e também cientistas tem estado em constantes estudos, onde muitos apontam diferentes formas de pesquisa que não são reais e embora a história seja baseada no primeiro Turista que veio estudar no ano de 1911 que foi considerado como o personagem que Machu Picchu descobriu. Esse personagem se chama Hiram Bingan arqueólogo e professor da Universidade de Yale, nos Estados Unidos, que também é considerado o primeiro waquero que roubou as peças mais importantes encontradas em Machu Picchu que até agora passados ??120 anos ainda não se sabe se voltarão a os museus do Peru, ou ficarão para sempre no museu dos Estados Unidos porque as peças foram entregues com certas datas naquele ano pelo governo peruano, para seu suposto estudo e pesquisa que nada contribuíram até o nosso presente.

Primeiro mito: Machu Picchu pertence aos Chilenos? (País Chile)


Muita gente, inclusive alguns políticos de muitos anos, apontou que Machu Picchu foi privatizada pelo empresário ou pelo governo chileno, o que é falso, porque atualmente a instituição encarregada é o Ministério da Cultura, ou seja, é administrado pelo peruano Estado.


Segundo Mito: Quem descobriu Machu Picchu


Guias e pessoas por muitos anos sempre dizem que Machu Picchu foi descoberta pelo caseiro Agustín Lizárraga, e outros dizem que foi o norte-americano Hiran Bingam, o que é falso, quem descobriu foram os mesmos aldeões, gente do Lugar, que trabalhava em seus terras e foi com elas que trouxe Agustín Lizárraga para ser o primeiro a procurar alguns objetos de ouro em Machupicchu, os quais ele trouxe para Hiram Bingham para estudar e investigar toda a montanha que estava coberta de florestas e ervas daninhas durante séculos depois do Colônia espanhola no Peru.
Machu Picchu era uma cidade perdida, pois os Incas fugiram, abandonando tudo para a área de Vilca Bamba, para defender suas terras dos espanhóis, junto com os irmãos Huascar de Atahuallpa que foi assassinado em Cajamarca pelos espanhóis e que felizmente nunca o fizeram. tinham chegado a esta área de Machu Picchu, se não tivessem construído igrejas derrubando todos os templos incas. Hiram Bingham foi o descobridor científico de Machu Picchu, não há um descobridor absoluto, é a casa

Terceiro mito: The Peru Rail Company não é Chilena


Esta empresa ferroviária administrada pela Peru Rail não é uma empresa chilena, é um consórcio britânico, sócios com capitais britânicos, franceses e peruanos, a EMPRESA Belmont é uma empresa ferroviária transnacional no mundo, juntamente com os hotéis Belmont que já estiveram em concessão há 40 anos de operação na rota Cusco Machu Picchu- Cusco Puno – Puno Arequipa com o nome de Expresso Orien, portanto não são chilenos nem nunca o serão.
Por outro lado, deve ser esclarecido que a companhia ferroviária do Peru não é uma companhia monopolista, já que existem dois operadores ferroviários para Machu Picchu, juntamente com a companhia ferroviária Inca que são capitais peruanas, assim como outras operadoras como Machu Picchu Train entraram que suas ações por empresários peruanos e é importante esclarecer essas situações que geram polêmica entre os políticos e com a sociedade.

Quarto mito de Machu Picchu: não são ruínas, não é uma fortaleza, não é uma cidadela


Os espanhóis nunca chegaram a Machu Picchu, não está destruída para dizer ruínas, não é uma fortaleza porque não era para uso militar, portanto esses nomes estão erroneamente marcados, por isso agora é chamada de Llaqta de Machu Picchu. O termo correto é Llaqta na língua Quechua, portanto é Llaqta de Machu Picchu.
Existem outros termos, como parque arqueológico, santuário histórico são termos usados ??pelas leis, protegidas pelo estado peruano, e também por diferentes instituições como a UNESCO.
Quinto mito: A empresa Consetour não é uma empresa estrangeira
Esta empresa não é uma empresa estrangeira, é uma empresa de todos os peruanos em Machu Picchu com mais de 230 sócios e acionistas, mas se é uma empresa monopolista, não tem concorrência, pois essas pessoas fazem concessões há 30 anos, agora a governo está lutando para expropriar devido a concessões corruptas feitas pelo ex-presidente Fujimori.

Mito Seis: Quem é o dono de Machu Picchu


Há poucos anos saíram duas famílias que eram proprietárias Roxana Abril, Blanca Zabaleta Hermanos disputa pelo reconhecimento de sua propriedade, onde possuem papéis desde 1904 onde o Sr. Mariano Ignacio Ferro havia comprado um total de 22 mil hectares incluindo o local onde Llaqta de Machu Picchu, que deixou como herança para sua bisneta Roxana Abril, mas em 1942 ele havia vendido 80% de sua propriedade para a família Zabaleta e Hermanos, então essas duas famílias enfrentaram o estado peruano por muitos anos, onde ainda permanecem Não há sentença, a verdade é que os parques e vestígios incas pertencem apenas ao estado peruano, e este é um vestígio arqueológico de que o único dono é o estado peruano.


Mito 7: Machu Picchu foi construída por alienígenas


Não há evidências de que Machu Picchu tenha sido construída por alienígenas, chamados por seres estranhos, porém tem sido investigada por muitos arqueólogos que acabam com a resposta de que Machu Picchu foi construída por antigos peruanos, para onde as pedras eram transportadas em forma de filmagem , em cima de toras, impulsionadas pela força de várias pessoas, algumas segurando com uma espécie de armadilha até chegar a um canteiro de obras, por outro lago se não houver evidência disso, você pode ver que cada pedra tinha um beiral para segurar a um grupo de pessoas onde as pedras já estavam esculpidas no local em que foram colocadas, para encontrar a precisão.

Pin It on Pinterest

Shares
Share This